Visit Iguassu faz balanço de ações do primeiro trimestre

Seis visitas técnicas, quatro eventos apoiados, quatro eventos em processo de captação e cinco novos eventos captados. Estes são alguns números do balanço de ações do Visit Iguassu do primeiro trimestre de 2024. Os eventos captados neste período somam cerca de 4,2 mil pessoas que virão para a cidade entre maio deste ano e 2026, permanecendo em média 3,4 dias e gerando, no mínimo, uma média de R$ 11,3 milhões para a economia do município.

Entre janeiro e março, o setor de Promoções e Relacionamento com o Mercado, num esforço conjunto com a Embratur, Secretaria Estadual de Turismo e Secretaria de Turismo de Foz do Iguaçu, esteve em sete países para promover o Destino Iguaçu. As ações realizadas na Espanha, Alemanha, Uruguai, Chile, Peru, Argentina e Colômbia foram responsáveis pela capacitação de aproximadamente 600 agentes de viagens. Em parceria com agência de receptivo associada, o Visit Iguassu teve a oportunidade de conduzir um treinamento on line para aproximadamente mil agentes de viagens, clientes de uma operadora de turismo mexicana, que oportunizou ampliar o portfólio de atratividades e, consequentemente, contribuir para melhorar as vendas do Destino Iguaçu.

Paralelamente, as ações de treinamento de vendas do Destino no mercado nacional atingiram cerca de 950 agentes de viagens. Isso significa que eles estão atualizados com as informações do que Foz do Iguaçu tem a oferecer aos turistas. Em três meses foram alcançados 1.550 profissionais que receberam capacitação sobre como vender mais e melhor o Destino Iguaçu.

Para potencializar a divulgação e promoção do Destino, até o momento, o Visit Iguassu apoiou quatro ações com influenciadores e uma com a imprensa. Além disso, muitas publicações de estratégias realizadas ainda no ano passado foram ao ar no primeiro trimestre, impactando positivamente a imagem do Destino e a decisão de viagem na baixa temporada. “Na somatória, tivemos mais de 3,2 milhões de pessoas impactadas com todas as publicações realizadas nesses três primeiros meses do ano, alcançando um público diversificado que busca informações de viagem, humor, dicas de casa ou conteúdos especializados, como acessibilidade, por exemplo”, observou Filipe Lafuente, do setor de Comunicação e Marketing.

Somente no Instagram, mais de 2,8 milhões de pessoas visualizaram conteúdos sobre Foz do Iguaçu, seja em reels, publicações no feed e stories mencionando o Visit Iguassu e os parceiros. Em vídeos no Youtube, mais de 11 mil pessoas tiveram acesso às informações sobre o Destino. O Tiktok também foi palco para vídeos divertidos sobre o Destino, alcançando aproximadamente 200 mil pessoas. O primeiro trimestre também contou com um artigo no portal Panrotas sobre inclusão, na coluna escrita por Cacá Filippini. O Instituto também apoiou a produção do Programa Descubrir, documentário espanhol sobre viagens e experiências. As captações ocorreram em março e a previsão é de que o programa seja exibido em 2025.

O primeiro trimestre foi marcado pelo retorno ao quadro de membros da Associação de Operadoras de Turismo dos Estados Unidos (USTOA) para ampliar a comercialização do Destino Iguaçu nos EUA, que também recebe atenção especial em uma estratégia de médio e longo prazos com a contratação de uma empresa de representação do Destino no mercado norte americano. A estratégia integra o plano de ações da Gestão Integrada do Turismo de Foz do Iguaçu, resultado da parceria entre a iniciativa pública e privada ao unir esforços e recursos de instituições como o Comtur, Secretaria de Turismo, Itaipu, Fundação Parque Tecnológico de Itaipu, Fundo Iguaçu e o próprio Visit Iguassu. “A ação focada no mercado norte americano foi construída para compor um plano de ações macro do Destino e faz parte de um investimento prévio para atração de voos que possuem capilaridade favorecendo a conectividade com os Estados Unidos, além de seguir e acompanhar as estratégias de promoção país, que estão sendo conduzidas pela Embratur. Isso é dar um passo a mais e só é possível com o entendimento entre as instituições e a união de orçamentos”, reforça Elaine Tenerello, diretora-executiva do Visit Iguassu.

Outro destaque foram as duas participações nas mobilizações para reverter a medida provisória, publicada no final de 2023, que traz mudanças significativas ao Programa Emergencial de Retomada do Setor de Eventos (Perse), juntamente com Sindhotéis e ABIH Regional Oeste, em Brasília.

A equipe do Visit Iguassu ainda cumpriu agenda de 12 treinamentos com hotéis associados para as equipes de vendas, recepção e reserva dos hotéis associados com foco na importância da arrecadação da tourism tax ou taxa de turismo, o benefício direto ao hóspede que contribui e o que essa receita converte em geração de emprego e renda, que fortalece o próprio Destino e as empresas associadas do Visit Iguassu.

Somente nos três primeiros meses deste ano, sete novas empresas chegaram ao Visit Iguassu. São hotéis, atrativos turísticos, agências de receptivo e empresas de serviços para eventos, que passam a integrar o portfólio de produtos e serviços associados ao Visit Iguassu, que contabiliza o total de 109 empresas filiadas.

Para o presidente do Visit Iguassu, Jaime Mendes, esses resultados são significativos e refletem que foram 90 dias de intenso trabalho para fortalecer o Destino Iguaçu e gerar negócios para as empresas associadas. Para os próximos meses, Jaime adiantou que a entidade manterá o ritmo para cumprir com todas as metas estabelecidas para o ano 2024 e desenvolver a economia local por meio do turismo. Jaime também agradeceu à equipe pelo desempenho neste período. “O Visit Iguassu é formado profissionais qualificados e comprometidos em tirar do papel todas as ações planejadas até dezembro deste ano”, finalizou.

 

Confira algumas das ações do Visit Iguassu no 1º trimestre de 2024:

– 5 eventos captados no primeiro trimestre, com total de 4.150 participantes no total de 2024 a 2026;

– 4 eventos em processo de captação, que juntos devem trazer mais oito mil participantes, entre 2025 e 2029;

– 4 eventos apoiados em 2024;

– 6 visitas técnicas realizadas dos eventos captados ou em processo de captação;

– Participação na feira Fitur, em Madri;

– Road Show América do Sul Embratur no Uruguai, Argentina, Chile, Peru e Colômbia;

– Capacitação online com TravelShop, em parceria com o associado MMC;

–  Participação na feira ITB, em Berlim;

– Participação no maior encontro de eventos e viagens corporativas da América Latina, o LACTE, realizado em fevereiro em São Paulo;

– Participação no Road Show Visit Brasil América do Sul promovido pela Embratur no Uruguai, Argentina, Chile, Peru e Colômbia.

– Presença na Convenção da CVC, em parceria com a Secretaria Municipal de Turismo, em Gramado;

– Visita técnica ao Show Rural, em Cascavel

– Presença no Fórum Panrotas, em São Paulo;

– Presença na ExpoTurismo Paraná, em Curitiba;

– Filiação à Associação de Operadoras de Turismo dos Estados Unidos (USTOA);

– Mobilizações pela manutenção do Programa Emergencial de Retomada do Setor de Eventos (Perse), em Brasília, juntamente com a ABIH PR Regional Oeste e Sindhotéis;

– Visita técnica ao South Summit, em Porto Alegre;

– Realização do Boteco do Iguaçu, em Porto Alegre;

– Lançamento de campanha digital para impulsionar o período da Baixa Temporada;

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn

Posts relacionados

Visit Iguassu é finalista do Prêmio Live 2024

Premiação reconhece mercado brasileiro de agências, empresas e profissionais especializados na organização de eventos corporativos O Visit Iguassu está entre os finalistas do Prêmio Live 2024 na categoria Cidade ou