O maior Rally do Mundo e seus impactos em Foz do Iguaçu

Foram mais de 6 meses entre tratativas, avaliações e definições de locais e serviços para que a cidade recebesse a largada do Sertões 

 

Quem acompanhou a passagem do Rally dos Sertões por Foz do Iguaçu não tem ideia do impacto e movimentação gerada pela primeira etapa da competição. A edição comemorativa de 30 anos, trouxe mais de 300 competidores, entre 40 carros, 83 UTVs, 58 motos e um quadriciclo, que estão disputando o maior desafio da história. Entre organização e equipes, foram mais de 2 mil pessoas que circularam em 5 atividades que aconteceram pela cidade: Vila Sertões (Charrua), Briefing dos Pilotos (Movie Cars), Super Prime (área do Marco das 3 Fronteiras), Prólogo e Largada (Centro de Visitantes das Cataratas). 

 

Desde que a cidade foi cogitada como ponto de partida do Maior Rally do Mundo, o Visit Iguassu abraçou a organização para dar suporte e ampliar a gama de serviços ofertados. Desde março, quando começaram as etapas de avaliação e busca de locais, a instituição foi avaliada pelos organizadores como peça fundamental para a primeira etapa paranaense. 

O apoio da Instituição, visa a distribuição de negócios para os associados e para a cidade como um todo. “Quem dera tivéssemos um Visit em cada cidade que passamos”, palavras da Chief Operating Officer – COO Sertões, Leonora Guedes, “a largada é quase o auge do evento, onde as equipes se concentram e aqui, puderam conhecer a infraestrutura da cidade e seus atrativos. Nossa visão é impactar a economia e o turismo local com uma movimentação intensa”. 

Esse impacto pôde ser observado durante a Vila Sertões e nos boxes de cada equipe. Praticamente, todas as equipes se utilizaram de serviços ofertados na cidade. De uma simples compra em mercados, a filas em postos de combustíveis, locação de mobiliário, etc. Diversas atividades que parecem distantes do turismo, mas que tiveram papel fundamental na gama de serviços utilizados como revendas de pneus, borracharias, caminhões pipas, máquinas de terraplenagem e metalúrgica. 

Além disso, os serviços costumeiramente utilizados em eventos trabalharam a todo favor. Montadores, catering, mobiliário de eventos, cenografia, gráficas e áudio visual, foram contratados para atender as mais diversas demandas na Vila Sertões e nos outros 4 eventos paralelos organizados pelo Sertões. 

Um organismo vivo 

“Talvez a melhor explicação que podemos dar sobre um evento como o Sertões é essa:  Um organismo vivo.  Quem andou por Foz do Iguaçu por esses dias pôde ter uma dimensão do impacto que os eventos geram no comércio, nos meios de hospedagem e, principalmente, na prestação de serviços. Com mais de 2 mil pessoas envolvidas diretamente nas equipes, sem contar os familiares dos pilotos e navegadores que vieram acompanhar o evento de largada, com uma estrutura gigante, a passagem do Rally dos Sertões por aqui deixa um impacto financeiro incrível e ainda deixa um legado social, com as ações envolvendo a comunidade, tanto na saúde quanto na educação”, comenta a Diretora Executiva do Visit Iguassu, Elaine Tenerello. 

Joaquim Monteiro, CEO do Sertões, afirmou que a família Sertões partiu encantada com Foz do Iguaçu. “É preciso falar de um sentimento. Durante esses dias, a cidade se tornou a capital do Brasil, com competidores de todos os estados, que aqui encontraram uma praticidade incrível. Saímos encantados. É uma cidade super convidativa. Com hotéis a 15 minutos do aeroporto e com uma malha viária prática e simplificada”.

Um dos setores mais impactados foi o setor hoteleiro. Segundo o balanço divulgado pelo Sindicato dos Hotéis Restaurantes Bares e Similares (Sindhotéis), a média geral de ocupação foi de quase 42%, somente com pessoas envolvidas no evento. Destaque para os hotéis da categoria duas estrelas que registraram 60% de ocupação. Já os demais, 57% em hotéis três estrelas; 50% em redes de quatro estrelas e 45% em cinco estrelas. 

Para o Presidente do Visit Iguassu, Felipe Gonzalez, Foz do Iguaçu vem conquistando cada vez mais espaço também no setor de eventos esportivos. “O Sertões além de colocar nosso Destino em evidência em diversas mídias, aponta uma capacidade da cidade em atender eventos esportivos dos mais variados segmentos. Nossos espaços de eventos constituídos são de excelente qualidade e paralelamente, áreas singulares podem ser aproveitadas”.

 

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn

Posts relacionados

Visit Iguassu é finalista do Prêmio Live 2024

Premiação reconhece mercado brasileiro de agências, empresas e profissionais especializados na organização de eventos corporativos O Visit Iguassu está entre os finalistas do Prêmio Live 2024 na categoria Cidade ou