Natl Park Arg

Parque Nacional del Iguazú

O Parque Nacional do Iguaçu do lado argentino tem área de 670 Km2. É uma área protegida que tem grande variedade de espécies da fauna e da flora. A onça-pintada, 3º maior felino do mundo, é um dos animais que habita o local. A flora arbórea é composta por mais de 90 espécies. 
A história do Parque Nacional do lado brasileiro e do lado argentino se conecta ao espanhol Alvar Nuñez Cabeza de Vaca, que no ano de 1542, seguia viagem rumo à cidade de Assunção (Paraguai), quando se deparou com a grandiosidade das Cataratas do Iguaçu, à época batizada por ele de “Saltos de Santa Maria”. Ele foi o primeiro europeu a conhecer a região, onde na época viviam os índios guaranis. Na Argentina, em 1902, o Ministério do Interior solicitou ao arquiteto e paisagista Carlos Thays um escrito detalhado das Cataratas, que, mais tarde, foi tomado como base para a lei de criação do parque nacional. Em 9 de outubro de 1934, o Parque Nacional Iguazú foi criado pela Lei nº 12.103, com o objetivo de conservar as Cataratas do Iguazú, um dos fenômenos naturais mais importantes do mundo, bem como a biodiversidade do local. Entre as espécies em perigo de extinção que habitam o Parque, pode-se citar a onça-pintada, a anta, a jaguatirica, o gato-mourisco, o tamanduá-bandeira e o jacaré-do-papo-do-amarelo.
Este é um dos motivos pelos quais a preservação do Parque Nacional do Iguaçu é tão importante: biodiversidade, equilíbrio das espécies de animais e plantas e um santuário da natureza!

Atrações adicionais para visitar

Imagem de drone do Marco das Três Fronteiras

Marco das Três Fronteiras

Macuco Safari

Macuco Safari

Concerts and Music

Eventos

Iguazu Falls

Cataratas do Iguaçu

Encontre-se no Paraíso

No encontro entre Brasil, Argentina e Paraguai, curta o melhor do Destino Iguassu. Conheça todas as experiências que oferecemos para você.

Baixe um guia de visitante gratuito