Evento em Salvador reúne especialistas para debater boas práticas aplicáveis no turismo brasileiro

Inovação e boas práticas aplicáveis ao processo de melhoria da competitividade dos destinos turísticos. Esses e outros temas estão sendo discutidosno Fórum TurisTIC, evento realizado há quatro anos em Barcelona e que pela primeira vez acontece no Brasil. O encontro em Salvador reúne representantes de destinos turísticos, empresas de tecnologia, entidades empresariais e governos interessados em ampliar o nível de inovação e competitividade do turismo nacional, proporcionando sinergia entre os setores e criando novas oportunidades de negócios. Na ocasião, também serão apresentadas novidades e tendências de inovação tecnológica e modelos de gestão dos destinos e das empresas turísticas.

Coube ao Iguassu Convention & Visitors Bureau apresentar Foz do Iguaçu como um case de sucesso. O gerente-executivo do Iguassu CVB, Basileu Tavares é um dos convidados dos painéis que serão realizados nesta sexta-feira (18). No painel sobre a Gestão do Turismo ele irá falar sobre a Experiência da Gestão Integrada do Turismo de Foz do Iguaçu. O convite para a participação de Foz do Iguaçu no TurisTIC se deve principalmente pelo posicionamento do Destino no Índice de Competitividade do Ministério do Turismo, Fundação Getúlio Vargas e Sebrae. “Esta será uma oportunidade para compartilhar com líderes nacionais e internacionais ações que aumentaram a competitividade do Destino Iguassu como a criação da Gestão Integrada do Turismo, que nasceu diante do enfrentamento de uma crise de gestão em 2007, e todas as estratégias que foram desenvolvidas para promoção de Foz enquanto destino nacional e internacional”, ressalta Basileu.

Pelo sétimo ano consecutivo, Foz tem a maior pontuação entre as cidades não capitais. Em todas as edições do Estudo dos Destinos Indutores do Desenvolvimento Turístico Regional, a cidade se destaca na pontuação de atrativos turísticos, serviços e equipamentos turísticos, marketing e promoção do destino, monitoramento e aspectos ambientais.

Realizado desde 2008 o estudo é o primeiro instrumento no país a medir a competitividade no setor. A partir dos resultados obtidos por meio desse indicador, gestores de todas as esferas têm informações valiosas para planejar investimentos e gerenciar os escassos recursos, imprescindíveis ao fomento do turismo brasileiro. O Fórum TurisTIC  Brasil é realizado pelo Eurecat (Centre Tecnològic de Catalunya) e pela Barcelona Media Inovação Brasil, em parceria com a ABR (Associação Brasileira de Resorts), SEBRAE e Salvador Destination.